Conversa de Botequim

Uma visão desfocada da realidade do mundo

Comunicação emergente: uma nova tendência

Posted by José Eduardo Coutelle em 6 setembro, 2007

A evolução dos meios de comunicação é notável, ainda mais os eletrônicos. A internet veio para ficar. Junto a ela, um novo meio de fazer comunicação ascendeu. Partindo do princípio da web 2.0, que especificava o meio digital com suas características próprias – hiperlink e hipermídia -, encontrando-se com as teorias McLuhianas de “meio é a mensagem” e “tecnologia com extensão do corpo”, e por fim aportando na “teoria da emergência” com seus ideais de inteligência coletiva e sistema de comportamento BOOTON/UP – todos para todos -, o modo de produção de informação, e como ela é entendida, recebeu uma nova roupagem.

Muitos sites e portais estão tentando ingressar nessa nova concepção comunicacional. Neste novo paradigma, a informação deixa de ser imposta por um indivíduo – comportamento TOP/DOWN, ordem e execução –, e passa e ser produzida e qualificada pelos próprios usuários.

Sites de notícias – outrolado.com.br – de recomendação – digg.com -, de hospedagem de vídeos – vimeo.com -, possuem muitas das características dessa nova forma de comunicação, cada uma em determinado grau. Nas três, a maior parte do conteúdo é produzido e avaliado – ranking – pelos próprios internautas.

Outrolado.com.br

Site de notícias variadas. Ele conta com a participação de usuários cadastrados. Eles são ao mesmo tempo participantes e produtores. A página possui um sistema de ranquemanento através de estrelas – os usuários avaliam os textos. Há duas possibilidades de ordenamento do material: através de data e avaliação de usuários.

Os comentários são inseridos ao fim do texto – rodapé -. Um novo comentário passa a ser a nova notícia, fato que amplia a discussão e a produção de textos e significados por parte dos usuários. O Perfil de cada usuário/produtor consta para visualização no site. Ele se transforma num grande sistema, no qual todos os pertencentes são produtores e usuários ao mesmo tempo. Eles possuem ligação direta entre si.

O portal conta com diversas editorias. Ele possui baixo índice de uso dos recursos do meio web. São encontradas raríssimas fotos e praticamente nenhum vídeo. Alguns usuários usam os hiperlinks, mas de forma a pouco acrescentar. O site se mantém através de venda de mídias comerciais – propaganda da Dell.

Usuários controlam praticamente todas as funções do site. Determinam onde ficam os textos, quais vão para a capa. Os administradores apenas fazem pequenas correções. Segundo o site, “a equipe também poderá promover artigos para a página Melhores.” Percebe-se que ainda há um resquício da cultura Top/down.

Digg.com

O Digg é um site bem completo. Sua janela principal conta com as postagens mais recentes. Horário, nota, comentários estão presentes na chamada do texto. Uma das características principais é que todas as matérias remetem para outros sites. O digg possui uma janela lateral com os dez tópicos mais lidos. Os usuários avaliam os textos, fazendo assim, ele subir ou descer de patamar.

Site consta com vídeos também. Todos eles remetem para outros endereços. A idéia do Digg é fazer com que usuários que navegam pela grande rede disponham o que acharam interessante no portal. O site aparenta ser totalmente administrado pelos usuários. Contudo, falta a opção de ordenar por avaliação, item que o site outrolado possui.

 

Vimeo.com

Site no qual usuários hospedam seus vídeos caseiros. Ele confuso e tem difícil navegação. Ele é basicamente uma comunidade de interação entre usuários. O site não tem um objetivo pré-estabelecido. Ele tende a diversão. Vídeos amadores, particulares, situações engraçadas que são postadas e comentadas pelos demais usuários. O site é um pouco confuso de viajar. Não se acha uma janela com os principais vídeos, os mais assistido, os mais bem cotados

Um fator interessante é que na cotação dos vídeos a foto do usuário que avaliou substitui a tradicional estrela. Os vídeos não recebem ordenamento por cotação ou data. Ele funciona de forma meio aleatório.

O site fornece números diários de quantas visualizações, comentários e avaliações recebem em determinado dia. Uma espécie de planilha de andamento e aceitação do vídeo.

 

Anúncios

2 Respostas to “Comunicação emergente: uma nova tendência”

  1. […] Weblog Just another WordPress.com weblog « Comunicação emergente: uma nova tendência Produção colaborativa no IG Setembro 27th, 2007 O portal do IG tem melhorado as suas […]

  2. pfox2 said

    Adorei o artigo. Procuro promover os mesmos valores e actualização dos sistemas de comunicação.
    abraço
    http://deixatuatvnarua.wordpress.com/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: